Artigo do Jornal A Tarde sobre a Artista Nide - 19 de abril de 1975

 

 

Arte Bahia

 

 

A ARTE DE NIDE

A pintora Nide está trabalhando para sua próxima exposição que realizará em Brasília na Galeria do Eron Palace Hotel. Sua pintura apresenta um colorido e movimentação original. A maioria de seus trabalhos versa sobre o folclore baiano, onde negrinhos e negrinhas surgem com suas roupas tradicionais tocando pandeiros, vendendo acarajés, dançando sambas-de-roda ou maculelê. A figura humana é uma presença constante em seus quadros mesmo quando pinta casarios ou paisagens baianas. Ela tem um perfeito conhecido da harmonia das cores e os tons mais vibrantes não chocam o espectador ao contrário dão alegria e um bonito cromatismo.

Nide começou a pintar ainda criança e sem ter passado por uma Escola de Belas Artes consegue criar trabalhos de nível. O que lhe interessa é pintar por uma necessidade intrínseca, por uma exigência espiritual.

Outro detalhe em sua pintura é o senso de humor das figuras que sempre estão rindo e brincando. O desenho é estilizado e muito pessoal, aliado a escolha perfeita das cores.

 

O Pandeirista, 1975. Ilustração que acompanha a reportagem original. Trata-se de um trabalho da primeira fase de Nide sobre o folclore baiano.

 

Mais Reportagens

 

 

 

Copyright © Artista Plástica Nide - Reportagens de Arte na Bahia.

 

Artigo republicado no blog de Artes Visuais de Reynivaldo Brito em http://reynivaldobritoartesvisuais.blogspot.com/2013/09/calasans-neto-e-seu-album-de-jazz.html

 

 

Pandeirista

 

Nide Bacelar

 

Artigo do Jornal A Tarde sobre a Artista Nide - 19 de abril de 1975

 

 

 

Nide Bacelar